Acordo na Coca Cola, São Paulo Brazil.

A gerência da Coca Cola em Marília (SP) melhorou sua proposta em vários pontos e se chegou hoje a um acordo satisfatório, segundo Wilson Vidoto, presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Alimentação de Marília (SITAM), informou ao SIREL.

Hoje 11 de junho, na Delegacia Regional do Trabalho, a gerência da Coca Cola fez uma nova proposta, melhor que a anterior, evitando a greve anunciada pelos trabalhadores na quarta-feira 6, da semana passada.

Em diálogo com o Sirel, Wilson Vidoto mencionou que “a empresa entregou à Delegacia Regional do Trabalho, ao meio-dia de hoje, uma contraproposta que melhora amplamente a anterior, que havia gerado na semana passada uma medida de luta tomada pelo Sindicato.

Conseguimos que a transnacional oferecesse 50 por cento de aumento na cesta básica -continuou- e também que a Participação nos Lucros e Resultados (PLR) fosse calculada com base em 100 por cento do salário e não em  80 por cento, como até agora; conseguimos também que não se trabalhe na véspera do Natal e do Ano Novo, o que é uma antiga reivindicação dos trabalhadores e, além disso, que a empresa se comprometesse a fazer uma revisão dos salários que não ultrapassam o piso da categoria”, destacou o dirigente.

De acordo com o presidente do SITAM, foi um bom acordo - “Se por um lado não é exatamente o que pretendíamos, por outro foi um acordo satisfatório, considerando os antecedentes de negociação coletiva com a Coca Cola em Marília”.

“Sem dúvida, a medida de luta adotada pelo sindicato e os apoios da FELATRAC e da Rel-UITA surtiram efeito”, concluiu Vidoto.

Acordo na Coca Cola

Acordo na Coca Cola

 

Com Wilson Vidoto

 

Em Montevidéu, Amalia Antúnez, Rel-UITA
Fonte de informação: www.rel-uita.org
Tradução: Rel-UITA.