SABMiller, Pepsico e Coca-Cola impõem extensas jornadas de trabalho

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria das Bebidas e Similares (STIBYS) começou uma campanha de denúncia e sensibilização sobre os efeitos e as conseqüências das extensas jornadas de trabalho impostas pela SABMiller, Pepsico e Coca-Cola, e que geralmente chegam a 16 horas diárias. Sirel dialogou com Carlos Reyes, presidente da Junta Diretora Central do STIBYS, para conhecer mais sobre essa campanha e seus antecedentes. Leia a matéria completa